X FECHAR

Cadastre-se e receba as atualizações do Blog JML!

Blog JML Blog JML
05
Jan
2016
--------
10:52
--------
BONS PROGRAMAS DE DESENVOLVIMENTO DE LIDERANÇA CONTRIBUEM COM OS RESULTADOS ORGANIZACIONAIS?

Autor: Jacqueline Menezes

Categorias: Gestão e Liderança.

Tags: Gestão, liderança, capacitação, líder, controle

Esta indagação tem promovido ampla discussão nas áreas de Gestão de Pessoas e entre os estudiosos do tema Liderança e Gestão.

Investir em bons programas de Desenvolvimento de líderes tem impacto significativo no contexto organizacional? O que podemos esperar de equipes, cujo líder tem uma sólida e contínua formação gestora e forte desenvolvimento em liderança?

As pesquisas apontam para resultados substanciais: O Instituto de pesquisa Bersin (USA) nos oferece dados bem concretos: Pesquisa global da Bersin/Deloitte em 2014 (Global Human Capital Trends) realizada em 94 países, inclusive no Brasil, com executivos de mais de 2.500 empresas, identificou que o desenvolvimento da liderança está entre os maiores fundamentos da Gestão de hoje junto com a relevância do Engajamento da Força de trabalho.

A pesquisa internacional da Bersin em 2014, identificou também que as empresas que construíram uma forte cultura de (respeito pelo esforço) e "reconhecimento" (respeito ao desempenho) têm uma taxa de rotatividade 31% menor do que os seus concorrentes, obtendo maior produtividade.

Dados com estes, revelam a complexidade do ambiente organizacional na contemporaneidade e as sutilezas contidas na interação humana e o quanto isto, afeta a forma de se relacionar na organização.

Isto reforça a tese que o componente comportamental vem ganhando força no Desenvolvimento da Liderança e que potencializar e engajar pessoas tornou-se uma habilidade importante e indispensável no cotidiano dos gestores e líderes.

Programas de Desenvolvimento de líderes precisam levar em conta que a formação técnica dos atuais gestores não supre as necessidades de um contexto marcado por diferentes marcas geracionais, mudanças e descontinuidades intensas e um ambiente de velocidade de ação e tomada de decisão.


Você pode encontrar material para capacitação de líderes no curso à distância Gestão Brasil


Num ambiente em que líderes se deparam com rupturas e complexidades, incertezas e desafios constantes, como gerenciar tendo como base o controle? Que outros elementos são indispensáveis para apoiar e orientar a gestão?
Quanto maior a complexidade do contexto organizacional, maior a exigência dos fatores humanos, da criatividade, dos talentos e conhecimentos que vão além do convencional e dos padrões gerenciais que por décadas foram utilizados com eficácia.

Segundo Kets de Vries(2009), muita atenção foi dada aos sistemas e estruturas e pouca às pessoas nos Programas de Desenvolvimento de Liderança.

Ele aponta para o fato de que por muito tempo, as emoções não tiveram lugar na vida das organizações, e muitas vezes isso não era percebido como algo relevante, em um modelo de gestão mecânico e desapaixonado. Em contrapartida, o pensador afirma que o comando e o controle são coisas do passado.

Para Kets de Vries(2009), atualmente, as emoções passam a ter um papel importante na gestão de pessoas, pois estas precisam se sentir  vivas no trabalho. 

De um lado, as organizações estão cada vez mais dependentes das contribuições profissionais das pessoas, das suas entregas com valor agregado ao negócio. Do outro, as pessoas estão cada vez mais exigentes em relação ao seu equilíbrio entre vida pessoal e profissional, ao ambiente e ao seu desenvolvimento contínuo.

Equalizar estas forças e expectativas dentro da organização é cada vez mais o papel estratégico dos líderes pautados em produzir mais e melhores resultados.

Neste sentido, só um caminho possível: preparar as lideranças com componentes de desenvolvimento comportamentais que permitam fortalecer o seu desempenho para lidar com crescentes demandas humanas e para sustentar ao longo da sua trajetória profissional complexidades organizacionais de natureza não técnica, mas de convivência, de como estimular o melhor que existe em cada colaborador, desafiando-o a contribuir com seu talento, criatividade e mobilização de suas capacidades em prol dos objetivos da sua organização.

Eis aí uma prioridade para as Áreas de Gestão de Pessoas: A Atenção especial aos programas de Desenvolvimento das Lideranças.

!
A opinião emitida nos textos é de total responsabilidade de seus autores e não corresponde, necessariamente, aos entendimentos da JML Consultoria & Eventos.

Cadastre seu comentário

Espaço aberto para debates sobre os temas postados pela equipe da JML. Não é permitido envio de consultas.

Caso você seja assinante do serviço Parecer JML e queira enviar uma consulta, utilize o sistema específico de envio da área restrita ou clique aqui.

Voltar
Dúvidas em Contratações Públicas e no Sistema “S”?
Solicite sua senha cortesia!
Cortesia: WEB JML
Cortesia: REVISTA JML ONLINE
Cortesia: SISTEMA "S" 3 EM 1